Versão para Impressão

Clique aqui para ver no formato original

With or Without Money

Relatório Da Onu Aponta China E Eua Como Maiores

Relatório da ONU aponta China e EUA como maiores beneficiados de Brexit duro

* por EFE

Genebra, 9 abr (EFE).- A China e os Estados Unidos seriam os países mais beneficiados pelo aumento de exportações para o Reino Unido se o país deixar a União Europeia (UE) sem acordo, enquanto a próprio bloco e o Turquia seriam os mais prejudicados, revelou um estudo publicado nesta terça-feira pela na Conferência da ONU sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD, na sigla em inglês).

A UE perderia US$ 34,5 bilhões em exportações ao Reino Unido, enquanto a Turquia sofreria uma redução de US$ 2,4 bilhão, de acordo com as previsões.

Entre os outros países que também seriam prejudicados por um Brexit "duro" - sem acordo de saída - estão Coreia do Sul, Paquistão, Noruega, Islândia, Suíça e Camboja, de acordo com a UNCTAD.

Já a China, o maior exportador mundial, ganharia US$ 10,2 bilhões em vendas adicionais ao Reino Unido e os EUA seriam o segundo maior beneficiado, com um crescimento de US$ 5,3 bilhões.

Outros países que experimentariam um aumento de suas exportações ao Reino Unido seriam Japão, Tailândia, África do Sul, Índia, Brasil, Rússia, Vietnã, Argentina e Nova Zelândia.

"O plano britânico de reduzir as tarifas à lista de 'nações mais favorecidas' aumentaria a competitividade de países eminentemente exportadores, como EUA e China", afirmou a diretora de comércio internacional e matérias-primas da UNCTAD, Pamela Coke-Hamilton.

Powered by Invision Community Blog
© Invision Power Services

IPS Driver Error  

There appears to be an error with the database.
You can try to refresh the page by clicking here.

Error Returned

We apologise for any inconvenience